Domingo,Maio 26, 2024
19.8 C
Castelo Branco

- Publicidade -

A passagem com a mão no pelo das costas

A visita do presidente de França\ Emmanuel Macron à Casa Branca

“Macron foi recebido calorosamente pelo presidente dos EUA Joe Biden”

Macron no desfile com os cumprimentos, vê -se nas imagens transmitidas pela CNN, como foi várias vezes, passando a mão ” pelo das costas ” no Biden!

A diplomacia misturada com a “subserviência” de Emmanuel Macron presidente da França (Europa) à América de Joe Biden – este com “caminhar de cavaleiro andante” como a parecença de D. Quixote da obra-prima do romancista, dramaturgo e poeta castelhano Miguel de Cervantes Saavedra, sendo à vez os “Pança” os líderes do resto dos países da Europa – Joe lá vai cumprimentando os seus acólitos seguidores, perfilados para mostrar também o apreço deles através de saudações meramente diplomáticas com a parceria entre os franceses (Europa) e os americanos numa política de apoio à guerra da Ucrânia evadida pela Rússia.

É assim, vamos vendo dia a dia este cenário diplomático à vez – pelo resto dos países de uma Europa, que se diz ” muito unida, ” mas indo sempre ao beija-mão do Biden.

Os interesses para acabar a guerra é pouco – não houvesse tanto interesse no fornecimento de armamento por parte destes, em particular destes dois “aliados com indústria de armamento”, vão dando com uma mão, vão retirando com outra, mas colhendo sempre dividendos, quer de “poder, quer de outros benefícios”, dar para destruir para depois receber para construir é o lema!

- Publicidade -

O que parece nestas políticas de Grande Poder Mundial é, que vidas humanas a desaparecerem, com esta ou as outras guerras, parece ter pouco significado – a outra guerra a que mata pela fome na África, no Médio Oriente e Ásia – nesta guerra não há “grande interesse” pela parte destes políticos – Guterres, secretário-geral da ONU, desdobra-se em esforços e apelos ao “mundo” para que despertem para esta também realidade de guerra com “AS MORTES POR FOME” por falta de alimentos e água com a gravidade das Alterações Climáticas, uma “morte anunciada à humanidade” e que vem sendo alertada à Anos, mas que “ninguém quer ver ou pouco ver”, por parte das grandes potências mundiais, preferindo “assobio para o lado” (….) é caso para se gritar a esta gente com poder politico mundial – ACORDEM UMA VEZ POR TODAS e olhem para o resto das regiões do mundo com olhos de ver e atuem com soluções rápidas – o problema é os políticos terem demasiada CERA nos ouvidos e olharem só para os altos interesses com finança!

maos nas costas
Foto DR

 

- Publicidade -
Fernando Jesus Pires
Fernando Jesus Pireshttps://oregioes.pt/fotojornalista-fernando-pires-jesus/
Jornalista há 35 anos, trabalhou como enviado especial em Macau, República Popular da China, Tailândia, Taiwan, Hong Kong, Coréia do Sul e Paralelo 38, Espanha, Andorra, França, Marrocos, Argélia, Sahara e Mauritânia.

Destaques

- Publicidade -

Artigos do autor