Domingo,Maio 26, 2024
19.8 C
Castelo Branco

- Publicidade -

Bruxelas vai apoiar 18 projetos de reformas em Portugal

A Comissão Europeia aprovou hoje um conjunto de 151 projetos de reformas nos 27 Estados-membros, 18 em Portugal, para financiamento em 2023, no âmbito do Instrumento de Assistência Técnica (IAT), num orçamento de 115 milhões de euros, divulgou a agência Lusa.

Bruxelas vai apoiar 18 projetos de reformas em Portugal
DR

Segundo um comunicado do executivo comunitário, o IAT deverá apoiar todos os Estados-Membros “na preparação, conceção e execução de um máximo de 326 reformas inovadoras em 2023”, assentando no sucesso do antecessor Programa de Apoio às Reformas Estruturais.

De acordo com a Lusa, os projetos elegíveis para apoio do IAT em Portugal incluem, entre outros setores, a administração pública, o setor financeiro, os sistemas de ensino, os serviços sociais, o apoio às crianças vulneráveis e a transição ecológica.

Em conferência de imprensa, a comissária europeia para a Coesão e reformas, Elisa Ferreira, salientou que, “em 2023, o IAT será fundamental para contribuir para uma economia competitiva com emissões líquidas nulas, reforçar as competências e a capacidade das administrações públicas e revitalizar as comunidades a nível regional e local.

O Instrumento de Assistência Técnica é o programa da UE – incluído no Quadro Financeiro Plurianual 2021-2027 – que disponibiliza conhecimentos técnicos específicos aos Estados-membros para conceber e executar reformas.

O apoio é prestado em função da procura e não exige cofinanciamento por parte dos 27 e é apresentado por Bruxelas como “um pilar importante da iniciativa da UE para ajudar os Estados-Membros a atenuar as consequências económicas e sociais decorrentes da crise provocada pela pandemia da covid-19”.

- Publicidade -

O apoio pode assumir a forma, por exemplo, de aconselhamento estratégico e jurídico, estudos, formação e visitas de peritos no terreno, abrangendo qualquer fase do processo de reforma, desde a preparação e conceção até ao desenvolvimento e à execução das reformas.

Para os sete anos de vigência, o IAT tem um orçamento de 864 milhões de euros.

- Publicidade -

Destaques

- Publicidade -

Artigos do autor