08:58 | Sexta-feira,Março 1, 2024
6.8 C
Castelo Branco

Chico Buarque recebe prémio “contra a censura”

O músico e escritor brasileiro Chico Buarque de Holanda recebeu esta segunda-feira o Prémio Camões 2019 na presença de Lula da Silva. A cerimónia só acontece quatro anos depois porque o ex-presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, recusou-se a assinar o diploma. “Este prémio é uma resposta à censura”, afirmou Lula da Silva.

Chico Buarque recebe prémio "contra a censura"
DR

 

- Publicidade -

Finalmente, quatro anos depois de ter sido distinguido, o prémio foi oficialmente entregue numa cerimónia no Palácio de Queluz, que simbolizou o regresso aos valores democráticos no Brasil.

“Este prémio é uma resposta à censura. Finalmente a democracia venceu no Brasil”, disse o atual presidente brasileiro, Lula da Silva.

A cerimónia no Palácio Nacional de Queluz, no concelho de Sintra, foi integrada na visita oficial a Portugal do Presidente da República do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, que começou na sexta-feira, dia 21, e decorre até terça-feira, dia 25, e foi presidida pelos chefes de Estado do Brasil e de Portugal. O prémio Camões, o mais prestigiado prémio literário da Lusofonia, tem também um valor pecuniário de 100 mil euros.

Chico Buarque foi galardoado com o Prémio Camões em 2019, mas a cerimónia de entrega nunca se realizou depois de ter feito várias críticas às políticas culturais do anterior Presidente brasileiro Jair Bolsonaro, que na altura se recusou a assinar o diploma, cuja entrega formal estava prevista para abril de 2020.

O autor de “Estorvo” e “Leite Derramado” é um apoiante do Partido dos Trabalhadores (PT), defensor de Luiz Inácio Lula da Silva, que foi novamente eleito em outubro do ano passado. Chico Buarque foi também um crítico do governo de Jair Bolsonaro, o que também motivou o ex-presidente do Brasil a desprezar o prémio atribuído ao músico brasileiro.

Entretanto, a pandemia de covid-19 obrigou ao adiamento da cerimónia de entrega do prémio, que foi agora remarcada, coincidindo com as celebrações do 25 de Abril e com a visita de Estado, de cinco dias, de Lula da Silva a Portugal.

- Publicidade -

Sobre a entrega do Prémio Camões de 2019 que agora se concretiza em Portugal, a ministra brasileira da Cultura, Margareth Menezes, considerou que simboliza o regresso aos valores democráticos no Brasil, lembrando que Chico Buarque é “um artista que sempre se envolveu e se colocou na luta a favor da democracia” e contra a ditadura, através das suas obras.

Também a editora Clara Capitão, do grupo Penguim Random House Portugal, que edita a obra de Chico Buarque, na chancela Companhia das Letras, destacou que a entrega do prémio ao escritor e músico brasileiro, “depois de anos de espera, significa que o Brasil voltou a viver um tempo de democracia e esperança”.

Nos termos do Regulamento, Portugal e o Brasil organizam de forma alternada as reuniões e as cerimónias de entrega deste galardão.

Chico Buarque voltará em breve a Portugal para vários concertos no Porto e em Lisboa. No Porto é já nos próximos dias 26 e 27 de Maio, no Pavilhão Arena/Super Bock. Em Lisboa serão nos dias 1, 2 e 3, no Campo Pequeno.

 

Últimas

A liberdade vai passar pelo Coliseu do Porto

A Liberdade vai passar pelo Coliseu do Porto com...

Guimarães recebe Campeonato Mundial de Ginástica Acrobática

O Campeonato do Mundo de Ginástica Acrobática, que estava...

Unidade locais de saúde Castelo Branco e Guarda vão deixar de operar cancro da mama

Sete unidades locais de saúde, entre elas a de...

Sindicato dos Enfermeiros Portugueses Anuncia Greve Abrangente em Busca de Valorização e Condições Justas

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) anunciou, através de...

Manuel Frexes Absolvido de Todas as Acusações após Leitura do Acórdão em Castelo Branco

Esta quinta-feira (29/2), o Tribunal de Castelo Branco proferiu...
- Publicidade -

Crise Cambial em Angola Castiga Bolsos de Portugueses: Salários Atrasados e Empresários Sob Pressão

A falta de divisas nos bancos angolanos está a gerar sérios problemas para os trabalhadores portugueses e empresários que atuam no país. Os atrasos...

Fisco Angolano Anuncia Ambiciosa Reforma Tributária para 2025 e Simplificação da Tributação Empresarial

O Fisco angolano está a dar passos decisivos em direção à reformulação completa do sistema tributário do país, visando harmonizar a tributação das empresas...

União Europeia Compromete 90 Milhões de Euros para Financiar Projetos Estratégicos em Angola

A União Europeia (UE) demonstrou seu firme compromisso com o desenvolvimento de Angola ao anunciar a alocação de 90 milhões de euros para financiar...

Limites Bancários não Impedem Expansão do Setor de Seguros em Angola

Limites Bancários não Impedem Expansão do Setor de Seguros em Angola. O regulador de seguros angolano destaca a não prejudicial limitação bancária, ressaltando o...

Moçambique vive, nos últimos dias, o terror em Cabo Delgado

MOÇAMBIQUE Vive o Terror: “A situação é muito complicada”, diz religiosa após novos ataques em que igrejas foram queimadas Terroristas, que afirmam pertencer ao Daesh,...

BNA Anuncia Injeção de 300 Milhões de Dólares para Estimular Liquidez Bancária

O Banco Nacional de Angola (BNA) revelou esta segunda feira uma medida estratégica para impulsionar a liquidez no setor bancário, com o Tesouro Nacional...

Crise económica encrava produção de milho Angola

A crise económica que a Angola atravessa continua a causar queda na produção de cereais, principalmente, a do milho. Francisco de Assis, ministro da...

Morreu o cantor Rui Mingas, ex-ministro, diplomata e coautor do hino de Angola

Marcelo Rebelo de Sousa recorda Rui Mingas como personalidade da "mitologia moderna de Angola". Coautor do hino nacional de Angola, ministro dos Desportos, antigo...