Segunda-feira,Maio 27, 2024
12.5 C
Castelo Branco

- Publicidade -

Compadrio dos Compadres

1. parentesco entre compadres
2. figurado intimidade; proteção exagerada; favoritismo
3. figurado: conivência

Em Estado Desfigurado

As duas figuras de estado continuam com pouco sentido de Estado, mais num “bric brac” como se fosse tempo disso, os portugueses estão sem paciência para as figurinhas que António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa andam a fazer, num dia amuo noutro dia de boa disposição com risota, não há pachorra para esta dupla de fracos comediantes!

os portugueses estão sem paciência para as figurinhas que António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa
DR

O país e os portugueses precisam de mais, não de “palhaçadas”, mas sim de grandes medidas com pés e cabeça, honestas e com seriedade política, o descrédito é já grande em relação a esta (des)governação compactuada por uma enorme falta de estado pelo próprio Marcelo como presidente da república.

No Interior, até já há autarcas que dão entrevistas e referem-se aos ministros como colegas (…), fruto destes verem os maus exemplos dos mais grandes figurantes comediantes do Estado (…) num estado já de compadres e compadrios com uma espiral política de desgaste (…) até parece, que estão numa república universitária como nos tempos de juventude (.…) – com a idade os idosos voltam à juventude (…) – aqui a brincadeira é mais séria porque já estão a brincar com os portugueses e isso não vale, começa a entrar numa “anarquia e a perder-se a democracia”.

Os portugueses já não se estão a rever neste descalabro político nem com estas atitudes, que não trazem confiança de governação!

- Publicidade -

É um Estado desfigurado, mas de compadres com compadrios, que acham que os portugueses devem pagar para verem esta actuação de comédia constante (….) não, a brincadeira tem limites e os portugueses são pessoas de bem e trabalhadoras, devem ser tratados com mais dignidade sem as falsas medidas do (des)governo desta maioria absoluta, que nada trouxe de bom!

O plano de habitação, o cabaz de produtos são medidas de roda, como os portugueses fossem “ratinhos a correr” sem saírem do mesmo sitio, com a Páscoa à porta só o saquinho de amêndoas tira o amargo de boca!(…), tudo isto tem figurado e conivência, com figurado de intimidade, numa proteção exagerada mas com favoritismo e com muito parentesco entre compadres.

- Publicidade -
Fernando Jesus Pires
Fernando Jesus Pireshttps://oregioes.pt/fotojornalista-fernando-pires-jesus/
Jornalista há 35 anos, trabalhou como enviado especial em Macau, República Popular da China, Tailândia, Taiwan, Hong Kong, Coréia do Sul e Paralelo 38, Espanha, Andorra, França, Marrocos, Argélia, Sahara e Mauritânia.

Destaques

- Publicidade -

Artigos do autor