Segunda-feira,Abril 22, 2024
8.7 C
Castelo Branco

- Publicidade -

O Interior do país volta a despertar para o turismo

Turismo no Interior entra em modo de roteiro político.

O turismo é um dos ‘motores’ do desenvolvimento do país, e, no Interior, é decisivo e contribui para alavancar ainda mais o crescimento da economia local, designadamente através do enogastronomia e do uso de produtos endógenos na restauração, pontos-chave na promoção de um território, assim como a criação de uma Marca.

A importância de tudo isto vai ser discutido e refletido no I Colóquio – Força do Turismo no Interior, no dia 10 de fevereiro, a partir das 15 horas, no Auditório Municipal Padre Bento da Guia, em Moimenta da Beira.

IMAGEM DO INTERIOR
Foto DR

O evento inclui a apresentação do programa “Formação + Próxima”, que visa estimular a economia e a atividade turística local através da formação, e cujo protocolo de colaboração foi assinado recentemente entre a Câmara Municipal de Moimenta da Beira e a Escola de Turismo e Hotelaria do Douro – Lamego.

A iniciativa é conhecida no dia que Nuno Fazenda, secretário de Estado do Turismo, começa um périplo pelo Interior, para ouvir e debater com os atores locais os desafios, as potencialidades e as prioridades do turismo nessas zonas do país.

Com o “Roteiro da agenda para o turismo no interior” o governante quer sublinhar “a prioridade da política de turismo” para os territórios de baixa densidade e vai ouvir empresários, instituições e as pessoas.

No itinerário estão visitas a empresas do setor, nomeadamente em Nisa, Évora, Estremoz, Elvas, Campo Maior, Viseu, São Pedro do Sul, Chaves, Valpaços e Peso da Régua.

- Publicidade -

Amadeu Araújo

 

 

- Publicidade -
Amadeu Araujo
Amadeu Araujo
Jornalista da imprensa escrita, web e rádio.

Destaques

- Publicidade -

Artigos do autor