Terça-feira,Junho 18, 2024
16 C
Castelo Branco

- Publicidade -

UCCLA e C.M. de Lisboa entregam Prémio Revelação Literária

A brasileira Fernanda Ribeiro venceu o Prémio de Revelação Literária UCCLA (União das Cidades Capitais de Lingua Portuguesa) e Câmara Municipal de Lisboa.

A obra vencedora da 9.ª edição do Prémio Revelação Literária UCCLA-CMLisboa – Novos Talentos, Novas Obras em Língua Portuguesa foi atribuída ao romance “Cantagalo” da autoria de Fernanda Teixeira Ribeiro, de 40 anos, de nacionalidade brasileira e residente em São Paulo, Brasil.

O júri decidiu, igualmente, atribuir duas menções honrosas: Poesia “Chão de Saibro” de Frederico da Cruz Vieira de Sousa, brasileiro, de 42 anos, residente Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil; Romance “A Sintaxe da Guerra” de Joaquim Njungo Jeremias, angolano, de 29 anos, natural de Luena, província de Moxico, Angola.

De acordo com o júri, “Cantagalo” é “um romance de família, com Praxedes, nome obtuso, como centro da ficção. História de peripécias rápidas, diálogos vivos, o que atravessa este livro como rio subterrâneo é não só a condição feminina e a questão da escrita, mas a própria condição do Livro como possibilidade de escapar a uma vida vazia, concreta, feita de cenas sem sentido nesse lugar – Cantagalo – que é alegoria de todo o Brasil. Tudo numa dicção autêntica, um modo de pôr as personagens a falar que lembra, de facto, um outro mundo.”

- Publicidade -

Destaques

- Publicidade -

Artigos do autor