Sábado,Julho 20, 2024
30.6 C
Castelo Branco

- Publicidade -

ASAE vai efetuar grande operação de fiscalização de “situações anómalas” de aumento de preços

O ministro da Economia, António Costa Silva, anunciou esta quinta-feira que a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) vai lançar uma grande ação de fiscalização perante o aumento dos preços dos alimentos que se tem verificado nas últimas semanas, “para perceber como os preços se formam”, e prometeu inflexibilidade em caso de anomalias.

Asae fiscalização
DR

No anúncio feito através de conferência de imprensa, transmitida pela SIC Notícias, o governante assegurou que “vamos ser inflexíveis para todas as situações anómalas”, numa operação que vai envolver 38 brigadas.

António Costa e Silva disse que o “aumento dos preços é uma matéria” que “preocupa muito” o Executivo liderado por António Costa.

“O Governo desenvolveu uma estratégia e está a trabalhar em múltiplas dimensões”, prometeu, garantindo que haverá diálogo entre o Governo e os operadores “para perceber o que se passa no mercado e sensibilizá-los para a responsabilidade social dos operadores numa altura de grandes dificuldades para as famílias”.

Estas medidas surgem na sequência da divulgação de dados do INE que indicam que a taxa de inflação referente aos produtos alimentares não transformados terá acelerado para 20,1% (18,5% em janeiro).

O ministro adiantou ainda que, desde o segundo semestre do ano passado, a ASAE realizou mais de 960 ações de fiscalização.

- Publicidade -

No passado dia 1 de Março, 38 brigadas envolvendo 80 inspetores da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) estiveram no terreno a fiscalizar os preços dos bens alimentares nos hipermercados e supermercados, face ao aumento de 21,1% do cabaz básico no último ano, mais do dobro da inflação.

Na altura, segundo sublinhou o governante, estiveram no terreno 10 brigadas da ASAE no Norte do país, 12 brigadas no Sul e 16 brigadas na região Centro.

- Publicidade -

Destaques

- Publicidade -

Artigos do autor