Domingo,Julho 14, 2024
15.7 C
Castelo Branco

- Publicidade -

UBI com candidaturas abertas para o novo Doutoramento em Design

A Universidade da Beira Interior (UBI) aumentou a oferta formativa de cursos de 3.º Ciclo, com a criação do novo Doutoramento em Design. Trata-se de uma formação numa área em que a academia tem já uma longa tradição e que visa explorar o vasto campo do Design e das indústrias Culturais e Criativas. As candidaturas estão neste momento abertas e há 15 vagas disponíveis

A mais-valia da proposta da UBI foi reconhecida pela A3ES – Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior, que aprovou o curso pelo período máximo previsto pela lei, de seis anos.

O novo Doutoramento do Departamento de Artes, da Faculdade de Artes e Letras (DA-FAL), vai proporcionar uma formação avançada, promovendo a reflexão crítica, a investigação, a criatividade e a ética na criação, no desenvolvimento e na divulgação de novas ideias, expressões e práticas projetais, no extenso campo do Design e das Indústrias Culturais e Criativas.

Esta formação pretende habilitar os estudantes para “desenvolverem investigações originais e gerarem novo conhecimento sobre as problemáticas, a natureza, o pensamento e a prática do Design”, promovendo a sustentabilidade e a mudança positiva na sociedade, salienta a diretora do curso, Ana Margarida Ferreira.

Trata-se de “promover o papel do designer como elemento-chave no domínio das indústrias culturais e criativas e no território onde atua”, refere a docente do Departamento de Artes. Acrescenta ainda que os “doutorados poderão assumir um papel de relevo no desenvolvimento local, regional ou internacional, atuando ao nível da investigação, do planeamento estratégico, da identificação de oportunidades e da criação de soluções inovadoras, competitivas e sustentáveis, para as organizações, comunidades e territórios”, ampliando a visibilidade da UBI nestes domínios.

No final, os diplomados estarão capacitados, científica e profissionalmente, para a criação de novas soluções, tais como artefactos físicos e digitais, serviços, modelos colaborativos ou estratégias criativas, de valor acrescentado e relevância social e ambiental, com base numa maior abertura conceptual, no rigor metodológico e no enriquecimento científico, cultural e artístico.

- Publicidade -

Terão como saídas profissionais as agências de Design e as entidades do sector criativo, a operar nos domínios do Design Industrial, Design de Produto, Design Gráfico, Design de Comunicação, Design Multimédia, o Design de Jogos Digitais, o Design de Moda ou Design de Interiores. Funções criativas de prestação de serviços, atividades de liderança e gestão de Design, nas suas diversas vertentes, carreiras de investigação ou docência no Ensino Superior, na formação profissional ou noutros níveis de Ensino são também possibilidades profissionais.

A criação do Doutoramento em Design emerge da estratégia da Faculdade de Artes e Letras e do Departamento de Artes para o crescimento sustentado e a consolidação da oferta formativa na área disciplinar de Design, já com um universo muito expressivo de estudantes, conclui Ana Margarida Ferreira.

- Publicidade -

Destaques

- Publicidade -

Artigos do autor